Em cinco meses, Menor Preço Nota Gaúcha supera 1,4 milhão de pesquisas

Lançado em março pelo Governo do Estado, o aplicativo Menor Preço Nota Gaúcha superou a marca de 1,4 milhão de pesquisas realizadas e 48 milhões de itens retornados como resultado. O aplicativo permite que os usuários encontrem o menor preço de um produto em mais de 300 mil estabelecimentos credenciados no Programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG), sendo uma ferramenta simples e ágil para proporcionar economia ao cidadão no momento de fazer as compras.

Por meio de consultas às Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e) e às Notas Fiscais de Consumidor Eletrônicas (NFC-e), as informações são atualizadas em tempo real toda vez que um estabelecimento realiza uma venda a varejo com indicação do CPF. Ao todo, mais de 346 milhões de NFC-e alimentaram o banco de dados do aplicativo até o momento. A gasolina (10.956 pesquisas) é, com folga, o produto mais pesquisado, seguido pelo leite (7.647 pesquisas) e  cerveja (7.089 pesquisas). Desenvolvido pela Receita Estadual e Procergs, o aplicativo está disponível para os sistemas Android e IOS.

Objetivos do Menor Preço Nota Gaúcha

A iniciativa fortalece ainda mais o NFG, que já conta com mais de 1,7 milhão de cidadãos cadastrados, garante benefícios aos consumidores e contribui para o aumento da arrecadação do Rio Grande do Sul, estimulando também a emissão de notas fiscais. Ainda, a ampliação do relacionamento entre Estado e cidadão vai ao encontro do objetivo de pautar as ações do setor público cada vez mais pela transparência.

Como funciona o Menor Preço Nota Gaúcha?

  • Baixe o Aplicativo Menor Preço Nota Gaúcha, disponível nas plataformas Android e iOS. Para a utilização dos serviços, é necessário o cadastro no programa NFG, o que pode ser feito por qualquer cidadão que possua um CPF.
  • Informe o produto que você deseja pesquisar por meio de sua descrição, marca ou código de barras.
  • Filtre os resultados pelo raio máximo de distância da sua localização e pela data que o preço foi praticado.
  • Encontre os menores preços mais próximos de você!

 

Fonte/Foto: Assessoria de Imprensa Receita Estadual – Thiago Feiten Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *