MPT aplica multa por aliciamento de menores em Santo Augusto

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Santo Ângelo obteve liminar contra uma comerciante de iniciais M. E. O. , acionada por exploração sexual comercial infantil em Santo Augusto.

A ré aliciava meninas para que fossem até seu bar, no bairro Glória, fornecia bebidas alcoólicas a elas e a clientes, sem alvará para tanto, e alugava quartos para a realização de programas. Adolescentes a partir de 14 anos foram aliciadas, de acordo com a investigação.

Com a liminar, a ré se sujeita a multas no caso de continuação da prática. Na ação civil pública proposta, o MPT requer, ainda, indenização por danos morais coletivos de R$ 100 mil.

A denúncia contra o bar foi registrada pelo Disque 100.  Além da Polícia Civil e do Conselho Tutelar do Município, o MPT encaminhou o caso ao Ministério Público Estadual (MPE), para atuação em suas áreas de competência.

 

Fonte: Observador Regional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *