Selito
  • Por: Selito Antônio Schmitt
  • Contato: selito@jornalatualidades.net
  • Formação / Profissão:

No Alvo

Exemplo de escola

Na sessão descentralizada da Câmara de Vereadores no Alto Erval Novo segunda-feira última foi possível constatar mais uma vez o quanto nossos professores e comunidades escolares do interior podem fazer pelo aprendizado de seus alunos. A diretora da Escola Wally Elisa Hartmann, Carla Berwange e a senhora Ivete Thiele foram as porta-vozes da comunidade. O relato mais pormenorizado foi da professora Carla que revelou iniciativas muito interessantes, beneficiando os 71 alunos matriculados, da educação infantil ao nono ano. Destacou que está na direção há 3 anos e a comunidade é muito participativa, a família é envolvida nas atividades da escola. Relatou os principais projetos, girando em torno do tema “20 anos do Programa Semeando”. O Relógio Biológico que tem por finalidade resgatar o cultivo, indicação e uso de plantas medicinais; Projeto Com Vida; horta escolar pedagógica sem uso de agrotóxico, com a participação das acadêmicas da UERGS; Produção de mudas nativas e frutíferas no viveiro pedagógico;  Composteira de Resíduos Orgânicos, com o apoio da Corsan.  Um ponto alto do trabalho é a realização da Troca de sementes entre as famílias. Diversos outros projetos e programas são realizados na escola (veja matéria nesta edição). Já Ivete Thiele, ao discorrer sobre a comunidade, destacou os pontos fortes do distrito e disse fazer falta um técnico agrícola específico para o distrito.

Meio rural

Encanta-me ver um trabalho tão dignificante. Com certeza esses alunos estão sendo despertados e orientados a seguir o trabalho do campo, da roça. Por isso a importância de manter as escolas rurais no meio rural, mas não só manter lá, mais importante que manter é praticar atividades extracurriculares como as professoras da Escola Wally Elisa Hartmann praticam com seus alunos, envolvendo toda a comunidade e buscando parcerias com universidade, Corsan e outras instituições. Esses alunos poderão até deixar o interior, mas nunca vão esquecer o que aprenderam, até para fazer uma hortinha no terreno de casa, se forem morar na cidade. Parabéns, professores, alunos e comunidade escolar.

Alarde

O verdadeira alarde que se fez em torno do programa Mais Médicos, com a mídia propalando uma catástrofe na área da saúde com a saída repentina dos médicos cubanos, parece estar se esvaindo como fumaça falsa. É a legítima fumaça de show pirotécnico. Pelas notícias mais recentes, praticamente todas as milhares de vagas pelo país afora estão sendo preenchidas em tempo recorde. Mostra que, de fato, temos médicos suficientes, muitos recém saindo das faculdades e loucos por uma vaga de trabalho, mesmo que seja lá nos confins. A vinda dos médicos cubanos foi uma alternativa válida dentro dos propósitos do governo do PT.

100 anos da F G F

O Grande Expediente da sessão desta terça-feira (27) da Assembleia Legislativa foi ocupado pelo deputado Ernani Polo (PP) em homenagem aos 100 da Federação Gaúcha de Futebol. “Um centenário de uma rica história e de grandes conquistas. A Federação Gaúcha de Futebol conduz, da melhor forma possível, os caminhos dos clubes gaúchos e os apoia na trajetória vencedora e centenária que marca gerações. Ela é o elo de todos os clubes, de todos os tamanhos”, disse o parlamentar. Agora centenária, prosseguiu, “a instituição está diretamente ligada à sociedade do Rio Grande do Sul, apaixonada por este esporte, que tantas emoções nos proporciona. Uma paixão que reúne famílias, amigos, encanta e contagia e que move nosso imaginário a cada dia”, completou da tribuna.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *